Orações subordinadas e coordenadas (com soluções)

Exercício 1:

Classifica as orações destacadas nas seguintes frases:

1.1)  Caso Hergé tivesse escrito mais aventuras, elas seriam, provavelmente, um êxito.

1.2) Alguns livros de Hergé criaram alguma polémica, visto que revelaram uma visão estereotipada da realidade.

1.3) A obra de Hergé continua a ter sucesso, ainda que suscite alguma polémica.

1.4)  Tintim era tão amigo de Tohang que o foi procurar apesar dos perigos.

1.5) Há quem ache que Tintim assumia algumas atitudes preconceituosas.

1.6) Logo que possa, vou comprar este livro.

1.7) A Casterman e a empresa Moulinsart vão publicar um novo livro protagonizado por Tintim para que os direitos da obra de Hergé não caiam no domínio público.

1.8) O capitão Haddock, que é amigo do Tintim, mora no castelo de Moulinsart.

1.9) A dupla de detetives que acompanha Tintim em muitas aventuras, por vezes, cria situações hilariantes.

1.10) As histórias do Tintim são tão divertidas como são as do Astérix.

Exercício 2:

Identifica e classifica as orações subordinadas adjetivas que se  seguem:

a) A D. Antónia tinha uma trança que lhe caía até à cintura.

b) A praça, que antigamente era o centro do mundo, hoje é um local vazio.

c) Recordo com carinho a vila onde nasci.

d)  A aluna, cujos pais estavam na reunião, ainda não chegou a casa.

e) Ricardo era um jovem pacato, que raramente levantava a voz.

Exercício 3:

Classifica as orações introduzidas pelos “ques” destacados.

a) A testemunha insiste que estava a dizer a verdade.

b) A rapariga que estava à janela falava com uma amiga.

c) A tempestade foi tão violenta que danificou o navio.

d)  Tu, que não tens feito nada, ainda reclamas.

Exercício 4:

Assinala se as afirmações que se seguem são verdadeiras ou falsas e corrige as falsas:

4.1)  A segunda oração da frase: “Ele percebeu que um pequeno gesto pode fazer a diferença.” é uma oração subordinada substantiva relativa.

4.2) Na frase: “Ele riu como se fosse de novo uma criança.”, a segunda oração é uma subordinada adverbial comparativa.

4.3) A segunda oração da frase: “Se bem que a intenção documental destas fotografias seja inquestionável, elas são autênticas obras de arte.”, é uma oração subordinante.

4.4)  A oração introduzida pelo advérbio “onde” na frase “O encontro será na cidade de Coimbra, onde vão ficar mais tempo” é subordinada substantiva completiva.

4.5)  Na frase: “Os investigadores partiram para uma longa expedição, o que foi amplamente noticiado pela imprensa.” existe uma oração subordinada adjetiva relativa restritiva.

4.6) A primeira oração da frase: “Como já não o via há anos, quase não o conheci.” é subordinada adverbial comparativa.

4.7) Na frase: “Escolheram um local sossegado, perto do mar, onde farão o piquenique de família.” a segunda oração é subordinada adjetiva relativa explicativa.

Soluções:

Exercício 1:

1.1) Oração subordinada adverbial condicional.

1.2) Oração subordinada adverbial causal.

1.3) Oração subordinada adverbial concessiva.

1.4) Oração subordinada adverbial consecutiva.

1.5) Oração subordinada adjetiva relativa restritiva.

1.6) Oração subordinada adverbial temporal.

1.7) Oração subordinada adverbial final.

1.8) Oração subordinada adjetiva relativa explicativa.

1.9) Oração subordinada adjetiva restritiva.

1.10) Oração subordinada adverbial comparativa.

Exercício 2:

a) A D. Antónia tinha uma trança que lhe caía até à cintura.

Oração subordinada adjetiva relativa restritiva.

b) A praça, que antigamente era o centro do mundo, hoje é um local vazio.

Oração subordinada adjetiva relativa explicativa.

c) Recordo com carinho a vila onde nasci.

Oração subordinada adjetiva relativa restritiva.

d)  A aluna, cujos pais estavam na reunião, ainda não chegou a casa.

Oração subordinada adjetiva relativa restritiva.

e) Ricardo era um jovem pacato, que raramente levantava a voz.

Oração subordinada adjetiva relativa explicativa.

Exercício 3:

a) Oração subordinada substantiva completiva.

b) Oração subordinada adjetiva relativa restritiva.

c) Oração subordinada adverbial consecutiva.

d)  Oração subordinada adjetiva relativa explicativa.

Exercício 4:

4.1)  Falso. É uma oração subordinada substantiva completiva.

4.2) Verdadeiro.

4.3) Verdadeiro.

4.4)  Falso. É uma oração subordinada adjetiva relativa explicativa.

4.5)  Falso. É uma oração subordinada adjetiva relativa explicativa

4.6) Falso. É uma oração subordinada adverbial causal.

4.7) Verdadeira.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s